Nosso cérebro é responsável por tudo o que acontece em nosso corpo. Sejam nossas emoções, percepções ou sensações mais diferentes, tudo passa por essa máquina em nossas cabeças, que processa e comanda qualquer ação nossa durante toda a vida. A percepção que temos do mundo, as funções mais básicas do nosso corpo, os efeitos mais curiosos que sentimentos, são exemplos perfeitos disso. E com a música não poderia ser diferente. Além de mexer com nossas emoções, essa forma de expressão humana tem um efeito neurológico intenso em nosso corpo, com acesso direto às nossas ações, impulsos e até mesmo motivações.

 

Quando crianças, a música exerce grande influência em nosso desenvolvimento e funcionamento cerebral, estendendo-se muitas vezes como forma de linguagem, oral ou corporal. Depois que crescemos, esse efeito continua, tornando-se cada vez mais forte, devido à nossa maturidade emocional. Ao chegar aos nossos ouvidos, o som é convertido em impulsos que percorrem a região do nosso cérebro relacionada às emoções, sensações e sentimentos, afetando nosso comportamento e até mesmo nossa saúde corporal.

 

Segundo estudos realizados no Instituto de Fisiologia da Música e da Medicina da Arte, na Alemanha, o lado esquerdo do nosso cérebro parece ser responsável por processar ritmos e intervalos musicais, enquanto o lado direito faz o reconhecimento de fatores como métricas e melodia. Pesquisadores do MIT, por meio da análise matemática de exames do córtex auditivo, descobriram caminhos feitos neurais que reagem quase que exclusivamente aos efeitos de uma música, independentemente de sua melodia. Ou seja, nosso cérebro é influenciado a todo momento pela música, o que pode nos ajudar em várias tarefas, até mesmo a alcançar objetivos específicos, como ter motivação para correr ou treinar todos os dias.

 

Efeitos da música no corpo 

 

A seguir, elencamos e explicamos alguns dos efeitos que a música tem em nosso corpo e mente, podendo influenciar nossas emoções e até mesmo a nossa saúde corporal e mental. Confira.

 

Relaxa o corpo e a mente: estudos já mostraram que os efeitos fisiológicos e psíquicos das ondas sonoras de baixa frequência (músicas mais calmas) tem efeitos relaxantes em nosso corpo e mente. Sensações como leveza, tranquilidade, relaxamento, sonolência, paz, meditação, sonho e anestesia, bem como maior consciência corporal, melhora postural, sensação de bem-estar, redução de dores musculares, sensação de conforto e diminuição de sintomas de ansiedade são alguns dos efeitos que uma música relaxante pode ter em nós.

 

Motivação para treinar: em 2012, pesquisadores da Universidade de Keele apresentaram, durante a Conferência Anual da Sociedade Britânica de Psicologia, evidências que mostravam que pessoas que escutam suas canções favoritas durante a prática de um esporte ou de exercícios físicos melhoravam significativamente seu rendimento e motivação. Ou seja, basta levar o fone de ouvido para a academia e fazer o seu treino valer ainda mais!

 

Mais foco e atenção: de acordo com um estudo britânico feito em patrocínio pelo próprio Spotify, escutar música durante os estudos pode melhorar o desempenho de alunos. Segundo os dados apresentados, escutar música clássica nesse momento pode auxiliar na melhora no aumento do foco e atenção, permitindo que a atividade dure mais tempo e que o cérebro retenha mais informação. Demais, né?

 

Melhorando sua saúde corporal

 

Sabendo disso tudo, você já deve ter percebido como é fácil usar os efeitos do som em favor da sua saúde mental e corporal. E quando o assunto é corpo, a dica é aliar suas músicas preferidas à prática de atividades diárias que precisem de mais motivação e foco, como estudar, limpar a casa, fazer exercícios físicos, etc. Por isso, crie e organize playlists para cada um desses momentos, inclusive os de descanso e relaxamento. Você vai perceber a diferença!

 

E para ter um lugar para ouvir todas essas músicas e colocar em prática toda essa teoria, clique aqui e receba um mês para treinar na melhor academia de todas que você conhece. Esperamos você para começar a alcançar seus objetivos hoje mesmo. Vem ser Performa!