A prática de atividade física é benéfica tanto para o corpo como para mente: exercitar-se regularmente combate uma série de doenças, alivia o estresse e, de quebra, ainda ajuda a buscar o corpo dos sonhos. No entanto, sabemos que nem sempre a motivação para treinar vem fácil.

Afinal, para algumas pessoas, ir à academia todos os dias é uma verdadeira batalha. A boa notícia é que existem algumas formas de vencer o desânimo e entrar de vez em uma rotina fitness.

Se você ficou curioso e quer saber o que fazer, leia este artigo até o final. Aqui nós mostraremos seis dicas profissionais que farão com que você tenha a motivação para treinar que tanto precisa. Vamos lá? Confira!
 

1. Escolha uma atividade física que proporcione satisfação

Toda atividade física, se feita da maneira correta, oferece uma série de benefícios para o corpo. Entretanto, quando fazemos algo contra nossa vontade ou uma atividade com a qual não nos identificamos, tendemos a não colocar o nosso melhor na prática. Assim, os resultados não saem como esperado.

Para que você tenha motivação para treinar, a primeira dica é escolher uma atividade da qual realmente goste para que você se sinta satisfeito e realizado ao executá-la.

Para isso, você pode levar em conta qual é o seu objetivo com os treinos (ganho de força, hipertrofia, condicionamento físico, flexibilidade, entre outros). Assim será mais fácil visualizar os resultados.

Além disso, é preciso considerar a sua aptidão em relação à atividade: você pode ser muito bom em corridas, mas talvez seja um péssimo dançarino. Esse fator é importante, pois, embora você possa desenvolver habilidades na modalidade, levar jeito será um diferencial na hora de escolher a atividade.

Não podemos deixar de citar as suas condições físicas, pois algumas atividades exigem mais das articulações, outras precisam de mais força ou de mobilidade. É sempre bom fazer uma avaliação física completa e consultar um profissional que ateste que você tem condições essenciais para o esporte.

Por fim, não deixe de levar em conta a sua personalidade! Se você gosta de fazer amigos, uma aula coletiva — como bike indoor, remo, dança, ou jump — pode ser a melhor alternativa. Se gosta de manter o foco e realizar os exercícios sozinho, experiente uma atividade individual, como a musculação.


2. Faça o treino com acompanhamento profissional

Quando feitas sem cuidado, as atividades físicas podem causar sérias lesões nas articulações e nos músculos — além de não trazer os resultados esperados. Para não correr esse risco, o ideal é contar sempre com um profissional da área.

O acompanhamento de um profissional de educação física é fundamental para que os treinos sejam pensados de acordo com os seus objetivos e suas condições físicas.

Na Performa Academia, por exemplo, você pode contar com o instrutor para indicar o tipo de atividade física que mais se encaixa no seu perfil a partir da avaliação física e de suas particularidades. O acompanhamento também é importante para ter certeza da execução correta dos exercícios e evitar lesões.

Por fim, a ajuda de um professor pode ser um incentivo a mais, pois você passa ter um amigo com quem conversar e a encontrar estratégias para alcançar o corpo desejado com mais confiança.


3. Crie uma rotina de exercícios e de aulas

Outro grande passo para ter motivação para treinar é fazer das atividades físicas parte da sua rotina. Para isso, procure planejar as suas atividades cotidianas sem esquecer de acrescentar o tempo dedicado aos treinos — de preferência, sempre no mesmo horário para que o corpo se acostume.

Com a regularidade você se sentirá mais incentivado a não desistir. Para ajudar, planeje também as suas refeições pré e pós-treino, de modo que o tempo dedicado a cuidar da saúde seja otimizado e você possa cumprir seus outros compromissos ao longo do dia com mais disposição.
 

4. Treine ao lado de seus amigos

A ideia de treinar com um amigo é bem simples: ambos se comprometem com os exercícios e, assim, as chances de morrer de preguiça serão bem menores. Você não desejará furar sempre com ele, não é mesmo?

Além de uma companhia para os treinos, ter um amigo nesses casos é importante para que ambos possam se motivar, dar dicas e até mesmo para criar desafios.

Além disso, ter um amigo na academia pode render bons momentos de diversão e ajuda mútua. A dica também vale para casais. Então, que tal, em vez de pedir uma pizza, chamar seu companheiro para treinar com você?
 

5. Trace metas e monitore os resultados do seu corpo

Mais do que ter foco para sair de casa e não desistir de treinar, é importante ter em mente exatamente onde você quer chegar com o exercício. Se você quer correr uma maratona, melhorar a flexibilidade ou aprender a dançar é preciso traçar seus objetivos e pensar as estratégias que podem lhe aproximar dele.

No entanto, nada de querer algo muito além das suas condições físicas, ok? A ideia é começar as poucos, com pequenas metas. Se o seu objetivo é perder 12 quilos, por exemplo, experimente estabelecer como meta perder 3 quilos por mês durante 4 meses.

Quando os objetivos são mais próximos da realidade fica mais fácil conquistá-lo e você ainda terá uma dose de motivação extra ao chegar lá.

Para ter certeza de que está no caminho certo, é muito importante acompanhar e medir os seus resultados. Assim, caso você não esteja progredindo como deseja, o instrutor pode ajudá-lo a mudar as estratégias.

Além da balança convencional, que mede só peso em quilos, você pode avaliar os resultados por meio de medidas, fotos de antes e depois e uma avaliação física que mostre a composição corporal (massa magra, gordura e massa óssea).

Na Performa Academia o aluno pode realizar uma avaliação de bioimpedância, que avalia toda a composição do corpo, e a avaliação motivacional. Ambas permitem identificar o estágio em que o aluno se encontra e, a partir disso, pensar estratégias específicas para a sua evolução.
 

6. Estabeleça recordes e promova recompensas

Por fim, a última dica para que você consiga ganhar ainda mais motivação para treinar é desafiar-se. Afinal, o ser humano tende a sentir-se mais incentivado quando encontra um desafio que precisa ser superado.

Como mencionamos, procure estabelecer metas para cumprir. Assim, você colocará o seu corpo em uma espécie de competição com ele mesmo. Você pode criar um sistema de recompensas para cada ponto atingido.

Que tal presentar-se toda vez que você alcançar um novo recorde na corrida ou perder alguns quilos? Você pode se dar um dia de folga, comprar roupas novas, fones de ouvido ou algo de que precise. Só não vale esbanjar na comida, certo?
 

E aí, você está pronto para começar a colocar em prática as nossas dicas, adotar um estilo de vida saudávele ter mais motivação para treinar? Siga as dicas que elencamos neste artigo e mude de vida agora mesmo!
 

Para saber como a Performa Academia pode ajudar você a conquistar seus objetivos e a treinar com motivação, entre em contato agora mesmo!