E, além de suplementos e vitaminas que auxiliam nesse sentido, a alimentação saudável é a principal aliada quando o assunto é melhorar a performance nos treinos. É por isso que no texto de hoje vamos falar sobre a importância de alinhar uma alimentação saudável com uma rotina de atividades físicas e como um plano alimentar adequado fornece a energia necessária para aproveitarmos ao máximo esse momento e buscarmos sempre melhores resultados. 

 

Por que a alimentação saudável traz mais resultados?

 

A forma como nos alimentamos influencia diretamente em como nosso corpo vai otimizar a energia que recebemos. Por exemplo: quando nossos níveis de açúcar no sangue estão baixos, nosso organismo não consegue ser tão eficiênciente, causando mal-estar, tremores, palpitações ou até mesmo desmaios durante atividades físicas. É por isso que não devemos treinar em jejum, principalmente pela manhã, quando nosso corpo está em uma situação mais vulnerável.

 

Por esse mesmo motivo, é importante ingerir alimentos com açúcar até uma hora antes de começar a se exercitar, podendo incluir nessa lista carboidratos como pão, biscoitos, frutas, leite, iogurtes, batata, arroz, barras energéticas, etc. São esses nutrientes que vão fornecer a energia necessária para evitar que seus músculos fiquem cansados e dar a eles a sustentação que eles precisam para aguentar todo o treino.

 

Além disso, já dizia o ditado: saco vazio não para em pé. Não adianta dedicar-se ao treino e fazer de tudo para alcançar os melhores resultados se algo está faltando na sua alimentação. É necessário o equilíbrio perfeito entre a dupla: atividades físicas + alimentação saudável, buscando sempre o melhor estilo de vida possível.

 

Busque energia com um plano alimentar adequado

 

Agora que você já sabe a importância da alimentação saudável na sua rotina de atividades físicas, tem o próximo passo: consultar um nutricionista. Apenas esse profissional vai poder auxiliar você da melhor maneira possível a buscar um cardápio eficiente e de acordo com os objetivos que você quer alcançar.

 

É importante lembrar que colocar em prática hábitos saudáveis não é fácil. Por isso, o acompanhamento frequente com o profissional é essencial, verificando os resultados, alinhando objetivos e conseguindo perceber de forma mais clara quando cada meta é alcançada. Lembrando que, assim como o treino, seu plano alimentar deve ser individual, pensado unicamente para você, seu organismo e suas metas. Por isso, passe longe de dietas genéricas que prometem resultados imediatos.

 

O que comer antes e após as atividades físicas

 

Como dito acima, cada pessoa tem uma alimentação adequada, de acordo com o ritmo do seu organismo e os objetivos que pretende alcançar. Apesar disso, é sempre importante que a dieta pré-treino contenha alimentos que forneçam a energia suficiente para realizar a atividade. Nesse sentido, os carboidratos são a melhor opção, fazendo com que o seu organismo suporte a queima calórica que virá a seguir. O consumo de proteína antes do treino também é muito indicado por especialistas, uma vez que seu consumo faz aumentar o fluxo sanguíneo nos músculos, ajudando no fortalecimento da musculatura durante a atividade.

 

Já para a dieta pós-treino, as proteínas são as preferidas. Isso porque o seu consumo logo após a atividade, em especial nos primeiros 30 minutos pós-treino, garante um melhor aproveitamento proteico, aumentando também o volume muscular. Suplementos indicados pelo seu nutricionista também podem ser uma boa opção nesse caso.

 

Agora que você já sabe um pouco mais a importância de aliar uma alimentação saudável com as atividades físicas diárias, clique aqui e conheça todas as atividades que a Performa pode te oferecer!